monstroperola.jpg
07.png

monstruosidades diárias

 Ao longo da história, criamos os monstros de acordo com a face dos nossos medos, e os demos lares obscuros e isolados. Representando a punição e o condenável, procuramos nos afastar deles, deixando-os tão escondidos quanto possível – o que nunca os impediu de continuar existindo e representando um perigo silencioso.

No entanto, talvez esse evitar seja o que mais os faz crescer enquanto ameaças. Sua existência é, de alguma maneira, real e importante de ser notada. E quem sabe os vendo possamos nos entender melhor com eles. E descobrir que não somos assim tão diferentes.

O projeto Monstruosidades Diárias tem início em agosto de 2016 com uma série de ilustrações diárias e em seguida os personagens ilustrados se expandem para a ocupação do espaço urbano e expositivo e para o audiovisual em forma de animação.

bailarina.jpg
venus.jpg
IMG_4603.JPG
IMG_5779.JPG
02.png
10.png
wanderer.jpg
19.png
IMG_4891.JPG
monstrovitruviano.jpg
cama.jpg
IMG_0542.jpg
automonstro.jpg
whistlersmonster.jpg
37768551_1131458613660002_84650484063000
picasso.jpg
abaporu.jpg
29novo.png
a1.jpg
IMG_0177.jpg
IMG_2024.JPG
IMG_5176.JPG
dança.jpg